Que se faça a luz

 

635059main_hubble033012_full_full

 

Nos primórdios deste Universo

uma dança cósmica se agitava

ao que no momento se deduz

este fluxo foi logo disperso

na corrida pela luz.

 

Percorrendo inimagináveis distâncias

buscavam tranquilidade

se esfriavam e transformavam

fértil e vigorosa infância

em um mar de possibilidades.

 

Em uma dessas tentativas, uma vitória:

foi impressa a nossa consciência

da poeira das estrelas

um alvorecer de inteligência

iniciou-se nossa história.

 

Na jornada do pensamento

burilamos nosso intelecto

mas olvidamos o essencial

tão rude tem sido o espectro…

um novo rumo de eventos.

 

Tal como partículas em sua tenacidade

se manter em movimento é nosso destino

a próxima escala aos poucos se anuncia

um iminente aspecto que vos ensino

evidente como um oceano cristalino

transmutar o conhecimento em moralidade.

 

Kalki

 

Sonho

book-1421098_1280

 

Estes traços tão marcantes

aguçam minha atenção…

és ti, uma ilusão

ou uma memória já distante?

 

Seu olhar é uma chama

que encanta e amedronta

corajoso aquele que lhe afronta

talvez a dizer que te ama.

 

Não se trata de aparência

que com a força do tempo se desfaz,

sua postura de lúcida consciência

me salta aos olhos e me apraz.

 

Me invade e combina com minha paz.

 

Em um mundo de tantos desencontros

me intima a continuar,

acordo e de súbito me desaponto

eis que estava mais uma vez a sonhar…

 

Backpacker

 

A Mente

jacob-and-mib-s06e15

 

A mente humana é regida por mistérios

que escapam a alçada de qualquer filosofia.

Dirigida pelo ser consciente, é instrumento de progresso,

criadora e mantenedora de padrões, critérios,

tecnologias e as melhores metodologias.

 

Em contrapartida, quando dominada pelo materialismo,

é capaz de cometer absurdos a seus semelhantes

abuso de poder, corrupção, extremismos…

equívocos de origem no orgulho e egoísmo

que cegam a mente aspirante.

 

Somos organismos complexos na busca da evolução

vulneráveis ainda por influências

provas que desafiam nossa inteligência e moralidade

tamanha contradição!

 

Porém vivemos em uma época

com as melhores ferramentas e oportunidades…

ascendermos à nossa melhor versão, dia após dia,

é nossa primordial responsabilidade.

 

Kalki

 

Eletricidade

 

de-vez-em-quando

 

Tu me deixas em sobrecarga

com seus versos a exalar

revigorante harmonia.

 

Inertes e cristalizadas em mente amarga

minhas sinapses jaziam

alta voltagem

a desfibrilar

delirante epifania.

 

Atinge as artérias

meandros inativos a trafegar

na velocidade da luz

estupendo lampejo a bombear

fluidificante energia.

 

Transmite a todo sistema

nervos dilacerados a percorrer,

ossos em paralisia

átomos antes desorganizados

do topo à raiz

a eletrificar

extasiante sintonia.

 

Inenarrável bem aventurança

experimento ao lhe conectar

choque de boas lembranças

singela sinfonia

que não me canso de escutar

obrigado pela sua existência

não haveria melhor tempo e frequência

para que eu voltasse a navegar.

 

Backpacker

 

Veritasium – Um elemento de Verdade

Veritasium is a channel of science and engineering videos featuring experiments, expert interviews, cool demos, and discussions with the public about everything science.

unnamed

Pense em um cientista brilhante. Logo virão a sua mente nomes como Albert Einstein, Isaac Newton, Nikola Tesla, entre outros.

Mas e na atualidade? Com tantas metodologias, padrões, fórmulas prontas, parece que não há mais o que explorar… ledo engano. Tratando-se de ciências não há fronteiras para o conhecimento. Ainda há muitos estudantes que passam sua vida acadêmica criticando e sofrendo no aprendizado de disciplinas tais como: matemática, física, química.

Neste contexto, um físico chamado Derek Muller criou um projeto chamado Veritasium. O nome “Veritasium” é uma combinação da palavra latina para verdade, Veritas , e o sufixo comum a muitos elementos químicos, -ium . Daí surgiu o neologismo “Veritasium”, um elemento de verdade.

O canal já possui quase 4 milhões de seguidores e já foi premiado em diversas conferências e festivais científicos, como o Science Online (2012) e a Revista Scientific American.

Com o objetivo de tornar a ciência mais acessível e didática, Muller dedica seu tempo na criação de vídeos de diversos temas, entre eles entrevistas com especialistas, como o Prêmio Nobel de Física 2011 Brian Schmidt, experimentos científicos, canções que auxiliam na assimilação do conteúdo – e uma marca do canal – entrevistas com o público para descobrir conceitos errôneos sobre a ciência.

Recentemente, o físico criou um kit de modelagem molecular (Snatoms), que torna o aprendizado da química mais intuitivo.

Enfim, essa é minha segunda dica de produtividade, que recomendo enfaticamente a todos meus leitores. Quase todos os vídeos possui legenda em português. Deixo abaixo um de meus vídeos favoritos do canal. Siga Veritasium!

Sonho Lúcido

A monochrome rainbow in a red sky

Viajava na velocidade do pensamento, ou da luz, não sei ao certo. Sei que já não me encontrava em conexão a meu veículo físico, mas somente o perispírito. Um envoltório fluídico, com aparência similar a meu corpo. Sei que era eu mesmo, minha mente libertada. Já não sentia dores físicas, e controlava de forma mais consistente meus pensamentos e sentimentos.

orion_nebula_-_hubble_2006_mosaic_18000
Imagem: NASA

Transitava pelo aglomerado de Órion, e confesso que não sabia o que procurava. Parecia que minha ação se dava conforme meu livre-arbítrio, incondicionalmente, mas senti que era imantado de alguma forma, a um local destinado a minha presença.

Era um sistema quaternário. Nebulosas com matizes que pareciam ter sido pintados por Michelangelo. Meus olhos físicos jamais se depararam com uma arte tão divina. Me lembrei de Eleanor Arroway em sua visão deslumbrante. Era mais do que aquilo. Além da fina camada do espectro eletromagnético que encontrava na matéria, agora me sentia nascer novamente, no contato com ondas diversas e suas emanações.

Algumas delas pareciam exalar aromas desconhecidos e refinados. Outras, aparentavam propagar melodias harmoniosas, que arrepiariam até mesmo Mozart. Uma verdadeira orquestra pairava diante de mim, incólume, como um bálsamo eletrificado que energizava todos meus sentidos, que já não se localizavam…se ativavam de maneira análoga ao que conhecia, de forma integrada e intensa.

Aos poucos fui sendo convidado, como que por intuição, para um gigante planeta gasoso, semelhante a Júpiter em sua constituição, mas vibrava em uma cor laranja cromática, em um gradiente rebuscado.

https://www.bungie.net/pt-br/View/bungie/trademarks
Imagem: Destiny (Bungie Trademark)

Ao adentrar quilômetros daquela camada gasosa, fui me deparando com um grande glóbulo de metal maciço, que parecia ser desértico. Para minha total surpresa, uma fenda gigantesca se abriu, no que parecia ser um portal “plasmático”.

art-bi001-bl-m-2
Open Door by Robert Bartow

Era algo estranho, fiquei com receio de passar ao outro lado, mas antes que eu pudesse terminar esta frase em meu pensamento, uma criatura robótica peculiar veio ao meu encontro, me interrompendo. Parece mesmo ter lido meu pensamento:

– Estranha substância, não é? Utilizamos para que os gases, a temperatura e a gravidade não corrompam nosso sistema. Me acompanhe, mochileiro intergalático…

https://www.bungie.net/pt-br/View/bungie/trademarks
Imagem: Destiny (Bungie Trademark)

[Continua…]

Kalki

Batalha

116618273

 

Libertos dos atavismos

lapidados pelas reminiscências

ativamos novo ciclo, sem aforismos

expandindo nossa consciência.

 

Carregamos as marcas de uma batalha épica

combatemos o bom combate

em prol da vida e da liberdade

Não se tratam das barbáries sangrentas do passado

nosso foco essencial são as ideias

dirigidas a vós pelo pensamento

aos poucos vozes emergem, despertando sua intuição

contra um sistema que se opõe ao progresso da humanidade.

 

O sistema a que nos referimos controla a sociedade

na contramão do intelecto

insufla prazeres e superficialidade

encarcerando as mentes desavisadas

provocando-lhes o instinto e a vaidade.

 

Segue nosso convite e sugestão

ser livre exige renúncia e responsabilidade

trave a luta consigo mesmo,

dome sua equivocada inclinação

controle o ímpeto da materialidade

construa novos valores

Despertar a consciência exige força de vontade!

respeitando sempre o livre-arbítrio alheio

é nossa última receita requerida

imersos em tantos devaneios

aos poucos todos forjarão sua espada,

que em meio ao caos

eclodirá reluzida.

Kalki

Caminho

otros_caminos_posibles

“Caminhante, não há caminho, o caminho se faz ao caminhar.”       Antônio Machado

Caminhe no seu ritmo,

pare de vez em quando para respirar

Você é livre pensadora

tens o universo ao redor para explorar.

 

Cada conquista tem seu preço,

esforço árduo a imputar

não se apegue aos tropeços…

continue a caminhar.

 

Um dia, quem sabe

estarei em par com seus passos

momentos singulares a desfrutar

será tão forte e vivaz nosso abraço

nossos caminhos irão se fundir, espelhar.

 

Dueto que cria sua própria sinfonia,

não importa o quanto perdurar

pois imprimimos o tempo em poesia,

eterno é só o nosso caminhar…

 

Backpacker

 

Nostalgia

birds

 

Houve um tempo em que podíamos voar. Não me recordo exatamente quando. Não nos importava o volitar de cada um, se o canto era belo ou se sua aparência era simétrica de acordo com algum padrão estabelecido.

Muito menos pensava-se nas escolhas de outrem. Simplesmente voávamos e nos sentíamos felizes com nossa liberdade, assim como emanávamos satisfação ao ver cada um ascender com suas próprias forças, do seu jeito, fosse um voo rasante de cada vez, dia após dia. Sem críticas nem julgamentos.

Mas algo estranhamente aconteceu. Agora não conseguimos tirar os pés do chão. Parece que a gravidade nos pressiona e castiga em resposta ao nosso atrevimento.

Ousamos em esquecer quem somos!

Nos separamos e polarizamos. Criamos ideias tão absurdas e artificiais que só servem para confundir, e se paramos para refletir com seriedade e isenção, de nada valem. Nos apegamos a uma imagem ilusória da vida e nos sentimos de tal forma imantados que não conseguimos nos desvencilhar.

Basta destas telas e máquinas que nos aprisionam e deformam, do orgulho e egoísmo d’onde se originam todos os males.

Queremos aquela simplicidade de volta. Aquela tranquilidade e desapego. Só queremos… como é mesmo que fazíamos?

Voar…

Helvüs

 

Ter ou Ser?

img_1225

 

De que vale ter fluência em vários idiomas do mundo,

mas não ser empático ao se comunicar?

 

Ou ainda, da filosofia ter conhecimento profundo,

mas ao ser testado em seu ideal, desatina ao praticar?

 

De que adianta ter títulos em várias faculdades,

mas não ser capaz de controlar o próprio ego?

 

Há êxito real em ser mestre de várias ciências e seus métodos,

mas na evidência de que há algo a existir além da matéria…

preferir se fazer de cego?

 

Qual a dignidade em ter aparente poder decisório,

mas não ser justo e imparcial?

 

Pensas ter verdadeira liberdade,

mas não consegue ser respeitoso à liberdade alheia?

 

Se o ter não resulta no ser…

se o intelecto não reflete na moral…

são esboços perdidos de uma arte inacabada.

 

Kalki